Home O Piloto Palmarés Multimedia Noticias Calendário E-Mail
Lamy no pódio em Sebring     (19 Março 2006)  
E estabelece novo recorde na qualificação dos GT1
Pedro Lamy subiu ao segundo lugar do pódio da classe GT1 e quarto da geral nas 12 Horas de Sebring, prova que marcou o início da disputada American Le Mans Series. Aos comandos do Aston Martin DBR9 com o número 009, Lamy começou por se destacar logo nos treinos de qualificação, estabelecendo o novo recorde do circuito para a classe GT1, que lhe garantiu a Pole-Position para a corrida de Sebring. Partindo da Pole-Position, Pedro Lamy tinha todos os motivos para encarar com optimismo esta importante prova do American Le Mans Séries: “Fiquei muito satisfeito com a marca conseguida na qualificação. Foi a minha primeira Pole-Position neste campeonato e a recompensa por todo o trabalho de preparação que elaborámos antes desta prova”, referiu Pedro Lamy que ao rodar em 1.55.286 retirou 1.8 segundos ao anterior recorde do circuito. Depois de um fantástico duelo com a equipa vencedora ao longo das 12 horas de prova, Lamy, Stephane Sarrazin e Jason Bright, acabaram por cortar a meta na segunda posição, a somente 1m 28s do Corvette nº 4: “Foi uma corrida muito interessante e bastante disputada. Não tivemos nenhum problema de maior ao longo de toda a prova o que nos permitiu andar ao mesmo nível dos Corvette, que eram os grandes favoritos”, prosseguiu o piloto português que se adaptou muito bem aos novos pneus da Pirelli: “É uma ligação que ainda está muito no início e ainda temos que trabalhar bastante para conseguir ficar ao nível dos Michelin. Contudo, julgo que foi uma boa forma de começar e estou certo que dentro em breve estaremos ainda mais competitivos”. “Foi um bom resultado conjunto da equipa. Subimos ao segundo lugar do pódio, enquanto que os nossos companheiros de equipa terminaram esta dura prova na terceira posição. Ainda temos um bom potencial de evolução e vamos fazer tudo que estiver ao nosso alcance para voltar a lutar pela vitória”, concluiu Pedro Lamy que completou um total de 337 voltas ao traçado de Sebring. A vitória da classe GT1 acabou por pertencer ao Corvette nº 4 conduzido por Oliver Gavin, Olivier Beretta e Jan Magnussen. Lamy, Sarrazin e Bright alcançaram o segundo posto, enquanto que o trio do Aston Martin nº 009, Tomas Enge, Darren Turner e Nicolas Kiesa, subiram ao terceiro lugar do pódio
Versão zip  
o piloto
palmarés
multimédia