Home O Piloto Palmarés Multimedia Noticias Calendário E-Mail
Pedro Lamy regressa ao American Le Mans Series, em Portland     (21 Julho 2006)  
Piloto português foi o segundo mais rápido nos treinos livres
Depois da vitória nos 1000 Quilómetros de Nurburgring, na Alemanha, Pedro Lamy está de regresso ao continente Americano para mais uma corrida do AMLS, aos comandos do seu Aston Martin oficial. A sexta prova deste campeonato disputa-se em Portland, uma pista rápida, na qual Pedro Lamy conseguiu ser ontem o segundo piloto mais veloz na primeira sessão de treinos livres.

“Não posso dizer que estou totalmente satisfeito com o resultado. É sempre bom quando andamos entre os primeiros, mas penso que conseguimos fazer melhor. Já estive nesta pista em 1999 e não é difícil reaprender o circuito, mas é muito complicado ser-se rápido nela”, começou por adiantar Lamy, justificando: “Debatemo-nos com alguns problemas de aderência, pois o asfalto está muito escorregadio, mas a equipa está consciente da situação e vai fazer tudo para melhorar o carro durante a noite, de forma a conseguirmos realizar uma boa sessão de qualificação.”

Pedro Lamy completou uma volta ao traçado de Porland em 1m09,658s, contra os 1m09,194s do Corvette de Olivier Beretta, o mais rápido da sessão. Para a corrida, que se realiza na madrugada de domingo, Pedro Lamy mostra-se confiante em prolongar a série de duas vitórias da Aston Martin: “Andámos algum tempo a tentar acompanhar o ritmo muito rápido dos Corvette, que venceram as primeiras três etapas do campeonato. Depois eu e o Stephane Sarrazin vencemos em Lime Rock e o outro carro da Aston Martin conquistou o triunfo em Salt Lake, onde não pude correr devido a compromissos com a Larbre Competition na Europa. Estamos numa boa fase e todos os membros da equipa mostram uma motivação extra para darmos seguimento a esta série de vitórias.”

Apesar das altas expectativas, o piloto nacional não entra em euforias desnecessárias, consciente de que a luta pelo primeiro lugar do pódio vai ser muito acesa: “Vamos para esta prova com o claro objectivo de a vencer. Queremos ser primeiros, mas isso nunca depende só da nossa vontade. Vamos tentar preparar o carro da melhor forma para este circuito e procurar o melhor composto para os pneus. Sabemos que a concorrência é forte e que nesta altura a Aston Martin Racing é o alvo a abater.”

 
Versão zip  
o piloto
palmarés
multimédia