Home O Piloto Palmarés Multimedia Noticias Calendário E-Mail
Pedro Lamy defende liderança do campeonato LMS     (27 Junho 2007)  
Piloto português em prova nos 1000 Kms de Nurburgring
Ainda com a fantástica participação nas 24 Horas de Le Mans bem presente na memória de todos, Pedro Lamy volta este fim-de-semana a pegar no volante do seu Peugeot 908 HDi FAP para a realização de mais uma importante prova automobilística. É na Alemanha que o piloto português disputa a terceira etapa do Le Mans Series, no espectacular traçado de Nurburgring, na sua versão curta de pouco mais de cinco quilómetros de extensão.

“Conseguimos um desempenho brilhante nas 24 Horas e sabemos que as pessoas esperam que nós consigamos dar sequência a esse resultado”, começa por referir Lamy, aludindo ao segundo posto conquistado na mítica prova gaulesa e que o coloca desde já, e por mais uma vez, na história do automobilismo português.

Líder do campeonato, com 16 pontos, mais quatro que o Judd da Pescarolo Sport, a dupla Pedro Lamy e Stéphane Sarrazin tem como principal objectivo defender essa posição, numa corrida que será muito trabalhosa face aos previstos 51 carros inscritos. “Vamos ver como encontramos a concorrência e o nosso próprio carro, pois o 908 continua em evolução. Em Nurburgring temos de ter muita atenção com o tráfego e será importante obter uma boa qualificação, mas aí também será essencial jogarmos um pouco com a sorte na procura de uma volta limpa”, explica Lamy.

Apreciador do traçado, no qual já somou êxitos importantes, como as vitórias nas 24 Horas de Nurburgring, Pedro Lamy reconhece que a velocidade não é o principal factor a ter em conta na condução, “apesar de ter zonas muito rápidas”, e adverte que o facto de ter conquistado a vitória na prova anterior do LMS, em Valência, não o coloca à partida como principal favorito: “Sabemos das nossas potencialidades, mas cada corrida tem uma história diferente e a Peugeot tem dois carros em prova com condições para triunfar, tal como os nossos adversários, que por certo irão querer impedir-nos de fazer o pleno no campeonato.”

Os desenvolvimentos e informações recolhidas durante as 24 Horas de Le Mans ainda não terão “importância capital” nesta etapa, uma vez que a proximidade das corridas aconselha a uma análise cuidada de toda a telemetria. “A equipa vai estar mais atenta aos problemas que encontramos em Le Mans, mas não iremos fazer profundas alterações no carro. Iremos tirar proveito desse trabalho das 24 Horas nas próximas corridas”, concluiu o piloto nacional, que disputa os treinos livres na sexta-feira, entre as 13h e as 14h e depois entre as 16h50 e as 17h40, com nova ida à pista no dia seguinte, sábado, entre as 11h40 e as 12h40. As sessões de qualificação realizam-se pouco depois – 15h00-15h20 e 15h25-15h45 – estando o início da corrida previsto para domingo, 1 Julho, às 11h55.

Versão zip  
o piloto
palmarés
multimédia